Olá, Visitante. Por favor entre ou registe-se se ainda não for membro.
Perdeu o seu e-mail de activação?

24 / Mai / 2024, 08:44

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão



Membros
Estatisticas
  • Total de Mensagens: 19108
  • Total de Tópicos: 4439
  • Online Hoje: 297
  • Online Total: 2245
  • (12 / Jan / 2023, 09:25)
Utilizadores Online
Membros: 0
Visitantes: 164
Total: 164
164 Visitantes, 0 Membros

Autor Tópico: Um mundo de indecisos.  (Lida 4230 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline José Costa

  • Veterano
  • *****
  • Mensagens: 3,822
Um mundo de indecisos.
« em: 01 / Fev / 2011, 19:19 »
Boas.
Em vários locais, em conversas com colegas de profissão, presencialmente  ou ão telefone, todos dão mostras de indecisão: qual o computador a comprar, qual a câmera a escolher, qual codec utilizar, para que software mudar... todos estão indecisos e sem saberem para que lado se dirigir. É este o actual estado dos profissionais de video.

Com os constantes avanços tecnológicos, com os cada vez mais codecs e câmeras de video, com os i e os p, a situação só tende a piorar. E assim sendo, o que é que o profissionais video vão fazer? Boas.
O profissional inovador não segue a multidão. Ele tem lucidez para remar contra a maré e não se importa em ser taxado como "um estranho no ninho". - Luiz Roberto Carnier

Offline DVIDEO

  • Colaborador
  • *
  • Mensagens: 89
Re:Um mundo de indecisos.
« Responder #1 em: 02 / Fev / 2011, 12:47 »
Aí está uma grande questão. o objectivo é sempre o mesmo: a qualidade final, mas para isso é necessário formação e possibilidade de investir num pc e numa câmara e não apenas numa câmara.

Offline Tiago Carvalho

  • Regular
  • *
  • Mensagens: 60
Re:Um mundo de indecisos.
« Responder #2 em: 02 / Fev / 2011, 15:58 »
Isto só me faz pensar que  "Os deuses devem andar loucos" :)

Offline Domingos Ralha

  • Regular
  • *
  • Mensagens: 41
Re:Um mundo de indecisos.
« Responder #3 em: 03 / Fev / 2011, 12:02 »
Boas.

Sinceramente acho que quem está indeciso não está muito mal! :lol:
O problema são aqueles quem nem sabem o que é um codec ou o que significa o 'i' e o 'p'.
O que eu vejo (e trabalho apenas para profissionais) é que isto é maria vai com as outras!!! Poucos são os críticos, ninguém faz pesquisa... Resumindo, se o sujeito A, que é o que faz os filmes mais 'cool' tem a câmera Y, então todos vão comprar uma igual!
É assim que funciona por estes lados, e penso que seja generalizado!

É certo que nos tempos que correm é necessário ouvir muitas opiniões para fazer uma escolha ajustada, mas o mais URGENTE é a formação! Não refiro a ter canudo, mas sim acompanhar o mercado.

Sinceramente, e à falta de um mecanismo que regule a área, espero que estas 'indecisões' sirvam para 'filtrar' a área. Não desejo insucesso a ninguém, mas porra apetece-me dizer a A ou a B: Fiquem a dormir que ao menos não fazem asneira!.

Desculpem o desabafo, mas sei que existe mais quem pense como eu!

Cumps
Bons trabalhos

Offline rui ressurreição

  • Veterano
  • *****
  • Mensagens: 773
Re:Um mundo de indecisos.
« Responder #4 em: 04 / Fev / 2011, 17:22 »
tens razão amigo...eu reconheço que comprei a nikon d90 um pouco por impulso(por "influência" de um fotógrafo que um dia fez um trabalho em conjunto comigo)...parece que fiquei com uma febre do equipamento, e tinha mesmo de o comprar...não é que estou arrependido, mas se fosse hoje, esperava mais um pouco...já com a canon xl2 aconteceu uma coisa parecida...pensava que a camera descontava para o irs, e lá vai o RUI  a correr, metendo-se no comboio para ir buscar a máquina a LISBOA...tive um desconto é certo, mas depois a máquina não descontou no irs, pq eu não tinha o registo com contabilidade organizada(isto em 2004-dez)...agora tenho de fazer render o peixe...mas há outros equipamentos que não me arrependo:imac, macbook pro etc...sei que muita gente trabalha com EDIUS nesta área(parece ser um bom editor), mas eu trabalho com final cut express 4.0 e não estou arrependido(além de premiere pro 1.5 no pc)...o que aprendi com isto tudo?Aprendi que mais importante que o material é a nossa cabecinha e o que pensamos e realizamos...ainda me lembro dum filme que fiz em CONÍMBRIGA(AS MULHERES NO PARLAMENTO em 1996-vhs), filmado com uma sony vx 1e(hi8 pro-3ccd), e que  para ligar o micro externo utilizámos um cabo de alguns 20m...está-se a ver o que aconteceu...como não era um cabo xlr, aquilo fez um barulho característico...mas mesmo assim o pessoal gostou do filme...mas eu como sou perfeccionista, fiquei com uma "faca " atravessada na garganta...por isso, resolvi trabalhar sozinho ou com pessoas em quem confio...ainda agora contactei um fotógrafo que me mostrou as maravilhas do seu equipamento(jvc hm 700, lente da canon;editor edius, computador qosmio com gravador de blu ray, etc...)...só para encher o olho...o que eu penso disto tudo?é que muitos fotógrafos têm melhor equipamento que muitos profissionais de tv...mas , repito, mais importante que os materiais, é a criatividade...boas.

alenproducoes

  • Visitante
Re:Um mundo de indecisos.
« Responder #5 em: 04 / Fev / 2011, 21:08 »
Caro Jose Costa excelente tópico, os meus parabéns, aliás que por norma as suas intervenções costumam ser bastante interessantes. Não pude deixar de comentar este tópico mesmo sem ter muito tempo hoje de aportar algo novo.

E não posso deixar de concordar em pleno com o que o Sr. Domingos Ralha diz.

Cumprimentos,
Paulo Paulino

Offline João Vieira

  • Residente
  • *
  • Mensagens: 204
Re:Um mundo de indecisos.
« Responder #6 em: 07 / Fev / 2011, 20:30 »
Aqui está um bom tópico!

Realmente há muita gente indecisa e muita gente por se actualizar!


No que toca a computadores e software vai do que nos adaptamos melhor!
Veja-mos ... se até sei trabalhar com o premiere e me adapto bem com ele, porque não usar a gama da Abode? Se fizer um projecto em After Effects posso importar o projecto sem ter de exportar para ficheiro video! Se preciso de fazer uns vectores para uns oráculos e anima-los no AE, posso sempre faze-los em Illustrator.

Acho que é um questão de gosto pessoal e de organização do nosso método de trabalho!


Por vezes é preciso ter umas horas de formação, de ano a ano que seja, para se saber o que anda no mercado!



Uma questão muito pertinente e que me deixa desconfortável, é o facto de muita boa gente usar 4:3 em BBCs!

Se os noivos tem a casa novinha com um plasma 16:9, porque se vai entregar o trabalho em 4:3? Para ele depois ser deformado nessa televisão?



São apenas alguns desabafos do que tenho visto ....

Offline José Costa

  • Veterano
  • *****
  • Mensagens: 3,822
Re:Um mundo de indecisos.
« Responder #7 em: 09 / Fev / 2011, 16:47 »
Boas.
Por aquilo que observo, a maioria não tem reconhecidamente conhecimentos, mas no entanto não assumem essa falta de conhecimentos. Têm vergonha (e digo eu) de assumir esse desconhecimento e pedir ajuda a quem proventura saiba e os possa ajudar.

Ajuda profissional pode custar dinheiro, e esse é outro problema. Querem resolver as coisas da maneira mais barata, fazendo as suas próprias opçôes, as suas próprias escolhas do que comprar. Se opçôes bem feitas, podem realmente poupar algum dinheiro, mas na maioria das vezes são màs opçôes, por falta de conhecimento técnico e, principalmente, por falta de definição concreta dos objectivos a alcançar. Acreditam em banhas de cobra, muitas vezes vendidas pelos vendedores.

O mercádo está cheio de soluçôes, de alternativas. E muitas delas baratas. Mas se um gaijo diz "Compra isto!", logo pensam que é uma opinião interessada e logo tratam de fazer o oposto. E se aconselhamos a comprar o equipamento que custa 100, logo entendem que o que custa apenas 50 faz o mesmo e mais barato, pelo que é essa a opção que tomam. E quando mais tarde verificam que realmente fizeram a opção errada, não o assumem, e mais grave ainda, não aprendem com o erro. Da próxima vez voltam a cometer o mesmo erro.

Outra coisa é a pressa de decisão. Querem tudo para ontem, pelo que correm a fazer o que decidem. E corre mal. Não fazem primeiro o trabalho de casa, não avaliam devidamente os problemas, não consideram opçôes, não ouvem os conselhos, ficam com os olhos vidrados no que mais interessa ãos bolsos deles, e esquecem que mais importante que o custo, é saber se o equipamento vai fazer realmente o que esperam dele. E muitas vezes, existe alternativas com uma relação custo/beneficio mais benéfica para quem compra.

Temos depois as mudanças. Estão de tal forma habituádos a um determinado workflow que não ponderam a opção de mudar. Não se mentalizam que o mercádo mudou e mudanças são precisas para sobreviver. Insistem nos mesmos erros e fogem das mudanças. Vem depois a vida e muda-lhes a vida, sem lhes pedir autorização.


E temos depois os que vivem nas nuvens, completamente alheios do que se passa neste planeta Terra. Boas.
O profissional inovador não segue a multidão. Ele tem lucidez para remar contra a maré e não se importa em ser taxado como "um estranho no ninho". - Luiz Roberto Carnier

Offline Fernando Martins

  • Animador 3D
  • Regular
  • *
  • Mensagens: 70
  • Animador 3D
    • Animação 3D e Efeitos Especiais
Re:Um mundo de indecisos.
« Responder #8 em: 10 / Fev / 2011, 17:33 »
O problema é que a oferta é muita! Em primeiro lugar em termos de tecnologias, depois em termos de marcas, depois em termos de características... e dentro das próprias marcas há uma panóplia de soluções por vezes com apenas 2 ou 3 parâmetros de diferença!

Se juntarmos a isto o facto de que os "standards" são cada vez  menos "standard" (pois cada marca inventa o seu standard e não arreda pé e diz que "o nosso é qué bom!") a coisa pode-se complicar rapidamente.

Isto da diversidade tem as suas vantagens mas tb tem os seus males. Antigamente uma pessoa tinha uma opção. Era fácil! às vezes tinha 3 opções, nos melhores produtos: era o produto bom e caro, o produto barato e ranhoso e o intermédio. Se se estava abonado de dinheiro, perdia-se a cabeça e comprava-se o que era bom, se se estava à rasca comprava-se o mais rasca, mas normalmente ia-se para o intermédio e pronto, caso arrumado! Agora a escolha é tanta e as combinações tantas que podem levar uma pessoa à loucura.

É como o leite: nos meus tempos de menino quando a minha mãe me mandava comprar leite eu ia à leitaria (sim, havia uma!) e comprava leite, normalmente leite do dia. Ainda sou do tempo (e da terrinha) em que havia uma leiteira que levava leite a casa das pessoas. Era fácil, mas a escolha era pouca, realmente. Agora, quando quero leite e se quiser ver realmente todo o leque de oferta, sou capaz de perder 20 minutos no supermercado a ver os diferentes tipos de leite: com Omega 3, com vitaminas, de soja, de cabra, para crianças, para grávidas, com ácidos gordos, sem lactose (não sei se estou a inventar esta!), com cálcio extra, seleccionado XPTO, seleccionado com vitaminas... e isto misturado com a velha triologia gordo/meio-gordo/magro! É uma dor de cabeça!

E nem me falem das bolachas... Ou dos cereais de pequeno almoço!

Em relação a material... há pouco tempo estive a ajudar um amigo a escolher um computador. Por peças, montado por nós, nada de um desses comprados na Worten e afins, que isso não nos serve. Entre motherboards, RAMs, discos, placas gráficas, teclados, caixas, dissipadores, CPUs e mais o diabo a sete, demorámos mais de 1 mês a finalizar as escolhas! No final ele ficou com um computador fabuloso, mas bolas, deu uma trabalheira!
Fernando Martins
_____
/- /|/| 3D Animation and Special Effects

Offline rui ressurreição

  • Veterano
  • *****
  • Mensagens: 773
Re:Um mundo de indecisos.
« Responder #9 em: 10 / Fev / 2011, 21:12 »
concordo com o que dizes...às vezes qd vou comprar um equipamento,(e penso que é o último grito do mercado) e que por qq razão não o compro nesse dia, qd venho para casa e faço algumas pesquisas no google , aparecem mais 2 ou 3 modelos de outras marcas...que fazer?eu adoptei uma estratégia:
-para os computadores, vejo que tipo de hardware me serve para alguns anos(3-5), e depois qd está desactualizado, fica a funcionar para o mesmo tipo de situações que já estava na altura...há sempre pessoas que não se actualizam e têm fitas e lp`s e coisas do género para passar para formatos mais recentes...
-em relação ao software, utilizo open source e freeware, sempre que posso, e tb média gama de editores(final cut express por ex)...qd precisar de uma coisa avançada, num trabalho ou noutro, numa determinada parte do filme, alugo um serviço duma casa com mais material que eu...tb vou testando trials de softwares mais complicados(tipo after effects, maya, etc...).
- em relação às cameras, penso tb no espaço de 5 anos ou mais, e qd precisar mesmo de uma nova é que compro...hoje em dia a grande dúvida coloca-se entre as 50p(4:2:2), as dslr e as 3d....entretanto vou fazendo filmes com o material que tenho...se precisar duma máquina mais poderosa provavelmente( e nesta altura do campeonato) optarei pela canon xf100 ou xf 105...e fico com as dslr(nikon d90) e sony nex5 para máquinas "complementares"...eu sei que há algumas semanas atrás disse que optaria (se fosse esse o caso) pela sony ax2000, mas depois de pensar bem , talvez vá para a canon xf100 ou 105...como vou trabalhar em colaboração com um fotógrafo que já tem a jvc hm700, aí posso ver as potencialidades desta máquina e compará-la com a xf100...mas, pode ser que até ao VERÃO DE 2011 ainda apareça outra...

relativamente ao 3d, vou ver o que as coisas dão...provavelmente o workflow vai mudar um pouco, e só qd a procura for maior é que vou começar a apostar...começo por um conjunto todo em 1(amplificador, colunas e leitor br 3d), depois passo para o gravador de computador e tv e finalmente a máquina 3d...mas se calhar só lá para o fim de 2012...logo se vê...mais a mais , se comprar 2 canon xf100 posso "uni-las " por um rig...vamos lá a ver se até ao fim de 2011 APARECE UMA 4K POR MENOS DE 6000 EUROS...ERA BOM(já com lentes, micro , etc...).

Posto isto, esta foi apenas uma opinião que está sujeita a modificações...
Outra coisa...se a APPLE não mudar a sua estratégia relativamente aos gravadores de blu-ray(ou o que quer que venha a seguir) e aos preços, talvez mais tarde(lá para 2012-13) opte por um pc , 64bit, com w7 ou o sistema que estiver na altura...penso que em 64 bit os 2 sistemas operativos já são mais parecidos...a diferença de preços é que continua grande...
Relativamente às máquinas que vão ficando "encostadas a um canto", ficam para formação , passeios em grupo de turistas, e filmes retro...
boas filmagens e aproveitem o material que têm...acima de tudo criatividade...espero por outras opiniões.boas

Posto